Workshop de Direito Autoral e Uso de Imagem

Com o advogado especialista em direito autoral Wilson Furtado Roberto com o workshop “Direito Autoral e Uso de Imagem”.  Neste curso de 6 horas serão abordados temas como direito moral, licença de uso, cessão de imagem e proteção na web, entre outros.

Público-alvo: Profissionais de fotografia e áreas correlatas.

Objetivo: Capacitar e informar profissionais da imagem sobre seus direitos e deveres.

Data: 29 de Janeiro de 2011
 Horário: 09:00h às 17:30h, com intervalo para almoço e coffee break

Local: Studio F4
Av.Visconde de Suassuna, 865, Boa Vista, Recife, PE.

Investimento: R$ 70,00

Informações: 81.8803.3826 / 81.8888.9292 / 81.9245.2720
                         email: cursosf4@gmail.com

 

Acontece na Galeria das Artes, no SESC – Casa Amarela a exposição Épura do fotográfo Diogo Barreto. O evento abre suas portas no período de 20/11/2011 a 18/03/2011, de segunda a sexta das 14:00h as 19:00h

==============================

SESC Casa Amarela

Av Prof José dos Anjos, 1190 – Casa Amarela

Recife – PE

(81) 3267.4410

www.sescpe.com.br

Hoje a revista Mensch publicou uma matéria com o Newman Homrich, fotógrafo que compõe o grupo Câmara Escura. A matéria foca a Fotografia Aérea, área esta em que Newman vem se especializando à anos.

Nós do Câmara Escura parabenizamos nossso colega Newman pelo excelente trabalho que vem desenvolvendo nesta área sendo merecidamente reconhecido pela mídia.

A matéria completa encontra-se disponível na página da revista Mensch – Clique aqui para acessar.

Cidade conhecida por suas cachoeiras, Bonito reserva também uma pequena mostra da diversidade ambiental de Pernambuco. Entre córregos e pés de serra, o município situado na faixa de transição da Zona da Mata para o Agreste abriga, pelo menos, 15 espécies de anfíbios, 14 de répteis, 27 de mamíferos e 150 aves. Os números são resultado de um levantamento científico que foi reunido no livro recém-lançado Bonito Pernambuco: História e Ecologia. Organizado pelo fotógrafo Kleber de Burgos, a obra apresenta estudos de oito coautores responsáveis pelos capítulos e inclui ainda a colaboração de outros 22 pesquisadores. Mais do que isso, faz um registro da natureza e se transforma em um apelo pela preservação.

O organizador acredita que, considerando o trabalho de campo de todos os autores, o levantamento soma o período de cinco anos de pesquisas. ´O objetivo era criar um produto para profissionais e leigos preocupados em reconhecer a natureza. Acredito que criamos subsídios para o desenvolvimento de várias ações de preservação`, afirmou o fotojornalista, citando o mapeamento realizado da fauna e da flora da região. Uma das justificativas para a biodiversidade da área, segundo os especialistas, é a posição geográfica do município, favorecido por apresentar características de dois biomas, a floresta da Zona da Mata e a savana do Agreste.

Um perfil que atraiu a atenção de pesquisadores do Smithsonian Institute, nos EUA, que estiveram na região, em 1884, para coletar espécies da fauna e da flora. ´Eles encontraram uma paisagem totalmente diferente da atual, uma vez que, hoje, temos apenas 7,3% da área original de floresta atlântica`, lembra o presidente do conselho consultivo do Grupo Sabiá-da-Mata, Douglas Cintra. Atualmente, os resquícios de mata atlântica de Pernambuco fazem parte da área considerada como a mais ameaçada do ecossistema, em parte, pelo extensivo plantio de cana-de-açúcar na década de 1970.

Registro

No capítulo Aves de Bonito, a equipe da Associação de Observadores de Aves de Pernambuco (OAP) apresenta osprimeiros resultados do inventário realizado na região do Engenho Barra Azul, Véu de Noiva, Bonito Eco Park e Pedra do Rodeadouro. Durante as caminhadas, que tiveram o apoio de registro visual e sonoro (com gravadores), os observadores contabilizaram 150 espécies de aves nas três áreas investigadas em aproximadamente 25 horas de trabalho de campo. Das aves identificadas, oito estão ameaçadas de extinção e sete são endêmicas (exclusivas da região).

´A área possui tanta diversidade que fizemos os primeiros registros de algumas espécies para o estado`, destacou o biólogo Glauco Pereira, citando o curicaca (Theristicus caudatus) e o tororó (Poecilotriccus plumbeiceps). Ele ressalta que o resultado das expedições reforçou a importância de proteção e conservação da área. Um tom que todos os autores mantiveram com o intuito de revelar Bonito.

——————————————————————
Publicado no DIARIOdePERNAMBUCO.com.br em 14/11/2010
O livro Bonito-PE – História e Ecologia, reúne estudos sobre a riqueza da fauna do município conhecido pelas suas cachoeiras

Clone de Leica russa convertida em Digital

Clone da Leica russa e uma Sony DSC-WX1 digital compacta. A carcaça da Leica serve de corpo e a Sony contribui para o funcionamento interno.
É um retrô bem interessante, mas lembrem-se que a qualidade é de compacta e não de Leica.

Post original com direito a filminho do Youtube (PetaPixel) – Clique aqui!

Spinner 360º, da Lomography

Com a câmera Spinner 360 da marca Lomography, é só puxar a cordinha segurando o cabo.
Pronto. Panorâmica feita!

Loja internacional Lomo: http://shop.lomography.com/
Publicação original: http://revistatrip.uol.com.br/so-no-site/notas/mudanca-de-panorama.html

A foto “Clearing Winter Storm, Yosemite National Park” de Ansel Adams (ano 1938) é arrematada por US$ 722,5 mil em Nova York (22/6/2010) no leilão da Sotheby’s.

Fonte: Folha.com – Ilustrada

O último desfile desta edição do São Paulo Fashion Week foi marcado por um protesto. Antes do início da apresentação da coleção de verão 2010/2011 de André Lima, dezenas de fotógrafos colocaram suas câmeras na passarela. Um ato em homenagem aos fotógrafos que foram roubados nesta edição do evento. Três profissionais tiveram suas câmeras levadas por assaltantes nos arredores do prédio da Bienal, em São Paulo.


Fotógrafos colocam as câmeras no chão em protesto (Foto: Claudio Augusto)

Publicação original:
Coluna de Vivi Mascaro (Ig)

 

Saiu o resultado da XXVI Bienal Brasileira da Arte Fotográfica em Preto e Branco. Para orgulho nosso, o associado Wellington Dantas recebeu pela foto “Velocidade” uma mensão honrosa, título este mais que merecido.

O resultado  já está disponível na íntegra e pode ser visto no sítio da CONFOTO.

http://confoto.art.br/bienalpb/main.php

Next Page »